Cataratas do Iguaçu/Foz do Iguaçu - Joel Rocha/Seet

Notícias

24/05/2018

Projeto da Nascente do Rio Iguaçu é apresentado na Comec

O diretor presidente da Comec, Louvanir Joãozinho Menegusso recebeu no dia 23 de maio de 2018 uma equipe que está trabalhando no programa Nascente do Rio Iguaçu, envolvendo sete projetos. Do corpo técnico da Comec estavam presentes: Sandro Setim, diretor técnico, Maria Luiza Malucelli, Milton Luís e Fernando Paulo Maciel Filho. Também participaram da reunião o presidente da Unilivre, Celso Kloss, o diretor de coordenação de projetos socioambientais e de sustentabilidade da Unilivre, Carlos Ferreira, o assessor Marcos Vinicius Coloma, o assessor da secretaria municipal de Meio Ambiente, Antônio Borges dos Reis e o coordenador do Grupo Gestor de Revitalização do Rio Iguaçu, Mario Celso Cunha.

Foi feita uma apresentação pela Comec, mostrando detalhes sobre o Plano Diretor da Área de Interesse Especial Regional do Iguaçu - AIERI, com estudos ambientais e plano de trabalho, num processo que vem desde 2008, envolvendo a Comec, Sedu, Aguasparaná, EcoParaná, IAP e Caixa Econômica Federal.

O trabalho envolve a proteção e conservação da região do Alto Iguaçu, integrada pelos municípios de Curitiba, Pinhais, Piraquara, São José dos Pinhais, Fazenda Rio Grande, Araucária, Contenda, Balsa Nova e Lapa. Nesta região vive 97% da população urbana, além de 72 indústrias instaladas e funcionando.

Também foi apresentado pelo ambientalista Carlos Ferreira o projeto Nascente do Rio Iguaçu, contemplando sete pontos das ODS, elaborado em conjunto com a Unilivre, Paranametrologia e Grupo Gestor de Revitalização do Rio Iguaçu, com apoio da secretaria estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos. Trata-se de uma solução ecologicamente correta, com grande sustentabilidade, com custo baixo e alto benefício para a sociedade paranaense, envolvendo aeração dos rios Atuba e Irai, além do Belém que é um rio totalmente urbano. Contempla ainda uma praia urbana e ciclovia. Durante o encontro foi mostrado um vídeo com o repórter André Trigueiro apresentando um sistema de limpeza e proteção ambiental que está sendo feito em Araruana (RJ), que deverá ser aplicado no Paraná.

Segundo a técnica da Comec, Maria Luiza Malucelli "Nós trabalhamos com os parques há muitos anos, visando a proteção de áreas ambientais, numa concepção antiga desde o Prosan e vemos que o projeto da Nascente do Rio Iguaçu não conflita com a área de Curitiba, mas poderá conflitar com São José dos Pinhais. Devemos avaliar isto para ter uma anuência da Comec, obedecendo os limites legais", disse. Conforme o técnico Milton Luís "Nossa preocupação é sempre no sentido de apoiar projetos que possa melhorar a qualidade da Região Metropolitana de Curitiba, evitando formação de enchentes e outros riscos eminentes", falou.

O presidente da Comec, Louvanir Menegusso, destacou que "Sempre é interessante unir as idéias, com propostas inovadoras de baixo custo e que possam representar um legado para os paranaenses", afirmou. O diretor técnico Sandro Setim lembrou que "Vamos avaliar de que forma nossos projetos já existentes possam se encaixar nesta nova proposta, mas deixando claro que toda boa idéia é benvinda".

O diretor presidente da Unilivre lembrou que "Já mostramos este projeto para o secretario Antonio Carlos Bonetti, da SEMA, e ele ficou bastante motivado. Na próxima semana vamos apresentar para os presidentes da Sanepar e Ibama, recebendo sugestões e críticas, para levar até os promotores de justiça do Ministério Público, prefeitos de Curitiba e RM finalizando com uma apresentação para a governadora Cida Borghetti", completou.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.